• Karina Moraes

COMO SE LOCOMOVER EM ORLANDO

Atualizado: 5 de Nov de 2018

Tudo em Orlando é muito distante e por isso fazer um planejamento de como você se deslocará de um ponto a outro da cidade é um ponto muito importante no roteiro de sua viagem.


Neste post, reuni os principais meios de transportes de Orlando para que você os analise e conclua qual se encaixa melhor em seu perfil.


Vamos lá!


Chegando em Orlando


De avião


Aeroporto Internacional de Orlando (MCO): principal aeroporto da Flórida Central localizado a 15 minutos das principais atrações.


Aeroporto Internacional Sanford (SFB): aeroporto com menos tráfego de voos que fica a 45 minutos das principais atrações.


#dicadaká : Miami fica a 380 km de Orlando e na maioria das vezes os voos para lá são bem mais baratos do que pra Orlando. Considere descer neste aeroporto na hora de pesquisar valores de passagens aéreas. Outro aeroporto perto é o de Fort Lauderdale (FLL) que às vezes também oferece tarifas atraentes.

De trem


Dependendo de onde esteja, você poderá chegar em Orlando também de trem. A Amtrak oferece transporte ferroviário por diversos estados dos Estados Unidos, possibilitando uma viagem deslumbrante até Orlando. Existem rotas que te levam de Washington DC ou Nova York até Orlando na Flórida. Para mais detalhes acesse www.amtrak.com e para ver o mapa das rotas clique aqui.


Amtrak

Traslados de/para o aeroporto


Serviços de Shuttles


Caso você opte por não alugar um carro, terá que contratar um traslado do aeroporto para seu hotel e do hotel para o aeroporto no fim da viagem. Existem várias empresas que fazem este serviço, como a Mears Motor Shuttles, a Orlando Carriers e a SuperShuttle. Se optar por este serviço recomendo que já saia do Brasil com a reserva feita. Os valores são cobrados por pessoa e existem tarifas especiais para crianças.


Caso você esteja hospedado em um hotel da Disney, terá direito ao Disney's Magical Express, um ônibus que te leva do aeroporto para o hotel e do hotel para o aeroporto. O embarque é feito no mesmo nível que ficam as locadoras e existem muitas placas indicando o caminho.


Confirme também com o seu hotel se ele não oferece esse traslado gratuitamente. Alguns hotéis próximos do aeroporto possuem este serviço e o oferecem como cortesia ao hóspede.


#dicadaká : dependendo da quantidade de pessoas que estejam em seu grupo (e consequentemente a quantidade de malas) avalie se não fica mais em conta você pagar um shuttle na ida e na volta combinado com o aluguel de um carro mais simples. Às vezes, por conta da quantidade de malas, você se vê obrigado a alugar um carro grande, quando na verdade você precisará de espaço no porta-malas apenas em dois momentos da viagem: quando chega e quando vai embora.

Táxis, Uber e Limousines


Outra forma de sair e chegar no aeroporto é pegando um táxi, uber ou limousine (esse em grande estilo!!!).


Eles partem do nível de transportes terrestres (em ambos os aeroportos) e os valores são definidos pelo taxímetro (táxi e uber) e por hora nos casos da limusine.


#dicadaká : já saia do Brasil com o aplicativo do Uber instalado em seu celular e o com o cartão de crédito internacional cadastrado. Acredite! Isso vai agilizar em muito a sua viagem.

Prós: não precisa dirigir, sem preocupação em localizar os endereços, pode beber à vontade e não precisa pagar estacionamento nos parques e nos hotéis.


Contras: custo alto (dependendo da quantidade de pessoas do seu grupo), ficar preso à um determinado itinerário e horários.


Alugando carro


Para alugar um carro em Orlando basta você ter uma CNH (Carteira Nacional de Habilitação) válida e um cartão de crédito internacional com limite disponível para a caução.


Recomendo que você saia do Brasil já com esta reserva feita, pois além de ser bem mais barato, você tem condições de escolher com calma os seguros disponíveis que mais se encaixam ao seu perfil, não cair na conversa do vendedor e acabar pagando um seguro desnecessário.


#dicadaká : alguns cartões de crédito te oferecem gratuitamente o seguro do carro, caso você pague a locação com ele. Veja com a emissora de seu cartão as condições de contratação e economize alguns dólares.

Os dois aeroportos contam com a maioria das locadoras de carros, como Avis, Dollar, Hertz, National, Alamo e Enterprise. Já aluguei carro com a Hertz e a Alamo e minhas experiências foram ótimas. Algumas locadoras te dão a opção de fazer o check-in em um totem com atendimento em português, e de posse dos papeis basta se dirigir ao estacionamento, escolher um carro na fila designada para a categoria que você escolheu e ser feliz. :)


Importante: as rodovias que ligam o aeroporto a cidade de Orlando tem pedágios. A maioria dos carros já vêm com um dispositivo (sunpass/epass) instalado no para-brisa que permite que você pague o pedágio pelo cartão de crédito que você utilizou para a caução. Na dúvida, tenha sempre moedas dentro do carro e pare nas guaritas dos pedágios para pagá-lo. Algumas guaritas não terão pessoas te cobrando e você deverá colocar o dinheiro em uma caixa.


Não esqueça também que você deverá devolver o carro com o tanque de combustível cheio, pois você o pegou desta maneira.


Dirigir em Orlando é muito fácil. Várias estradas principais oferecem fácil acesso à região de Orlando e ao resto da Flórida. As principais rodovias dentro e ao redor da cidade são: Interstate 4 e as estradas com pedágios: S.R. 528 (Beach Line), S. R. 408 (east-west Expressway), S.R. 417 (GreeneWay), S.R. 429 Western Beltway e Florida's Turnpike (S.R. significa State Road). Os limites de velocidade variam entre as rodovias, ficando em torno de 85 km/h.


Prós: independência e agilidade no ir e vir, facilidade para transportar compras, possibilidade de conhecer outras cidades a um custo baixo (a gasolina lá é bem barata), valor baixo para locações de 7 dias ou mais.


Contras: ter que dirigir (para alguns isso não é problema), custo x benefício alto se seu grupo for pequeno, se beber não poderá dirigir, custo dos estacionamentos dos parques e de alguns hotéis e ter um GPS.


Se locomovendo dentro de Orlando


SunRail (trem): transporte de curta distância do centro da Flórida que oferece uma opção fácil e confortável. Os bilhetes são vendidos só de ida ou de ida/volta em quiosques localizados nas estações. Oferece também conexões com as linhas de ônibus, o que abrange mais locais. Para consultar as estações acesse o site www.sunrail.com


SunRail

Lynx (ônibus): ótima forma de circular pela cidade com uma tarifa muito baixa. Do aeroporto até a I Drive são aproximadamente 50 minutos de viagem. Para conhecer rotas e valores acesse www.golynx.com


Lynx - ônibus em Orlando

Greyhound (ônibus interestaduais): se estiver em seus planos visitar estados próximos da Flórida, utilize o Greyhound. Para maiores informações acesse www.greyhound.com


I-Ride Trolley: ônibus turístico, onde existe a possibilidade de descer em mais de uma parada pagando apenas uma tarifa. Existem 02 linhas, a Red Line (intervalos de 20 minutos) e a Green Line (intervalos de 30 minutos). Para conhecer as rotas disponíveis acesse www.iridetrolley.com


I-Ride Trolley

Espero ter ajudado na sua decisão de qual melhor tipo de transporte para sua viagem. Leve em consideração a distância que seu hotel está das principais atrações. Verifique também se o hotel oferece traslado para os parques e se ele cobra estacionamento para a pernoite do carro. Estes fatores, analisados juntamente com o perfil do seu grupo devem ser levados em consideração na hora de escolher como você irá se locomover pela maravilhosa cidade de Orlando.


Enjoy :)


Xoxo!!!


#orlandolovers #ol #orlando #florida

0 visualização
Grupo no Facebook 1.jpg

Orlando Lovers nas redes sociais:

  • YouTube ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social

Clique aqui e confira o tempo em Orlando

  • YouTube ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social

Orlando Lovers nas redes sociais:

Quer ficar por dentro das novidades de Orlando?

© 2018 por Karina Moraes

ABOUT
Me